MICOSES

07/03/2018
MICOSES

O que são as micoses?

São infecções causadas por fungos, que atingem a pele, unhas, cabelos e, em alguns casos, órgãos internos. Já se sabe que alguns deles vivem em nosso corpo de uma forma natural, harmônica. Contudo, se houver uma rápida reprodução, normalmente causada por umidade, calor, baixa imunidade ou uso de antibiótico a longo prazo, podem acarretar em doenças.

Tipos de Micose

Existe três tipos de micose que caracterizamos como “comuns”.

Pitiríase Versicolor (conhecida como Pano Branco)

Se manifesta através de pequenas manchas e de cor esbranquiçada e que costumam escamar. Surgem em pequenas aglomerações ou individualmente em partes do corpo, como braço, pescoço, rosto e tronco. Os mais atingidos geralmente são adolescentes e adultos mais jovens, sendo mais propício em peles oleosas.

Dermatofitoses (conhecidas como Impinge)

Apresentam manchas vermelhas arredondadas e com superfícies descamativa, bordas nítidas e geralmente vêm acompanhadas de coceiras. Podem surgir em qualquer parte do corpo, porém, sua parte preferida são os pés (por isso o nome “pé de atleta”). Em crianças, o couro cabeludo também costuma ser atingido.

Onicomicose

A onicomicose é um tipo de micose exclusiva das unhas. Ela deixa a unha (tanto do pé quanto da mão) muito mais grossa do que o normal, e há ainda a possibilidade de causar mudanças em sua forma e cor. Os primeiros sinais incluem manchas de cores claras. Conforme evolui, a unha fica cada vez mais espessa e frágil, além de dolorida.

Causas da micose

É válido ressaltar que micoses são contagiosas, transmitem de pessoa para pessoa. Também é importante que os pacientes fiquem atentos a alguns fatores de risco. Como:

  • permanecer muito tempo em ambiente quente e úmido;
  • suar excessivamente;
  • andar descalço, sobretudo em lugares úmidos;
  • infecções ou lesões nas unhas;
  • má circulação sanguínea.

Evitar a umidade, não compartilhar roupas, toalhas e utensílios de unha, enxugar-se bem e não permanecer com roupas molhadas são maneiras de prevenir a micose.

O que fazer para tratar as micoses existentes?

Geralmente o tratamento é feito com medicamentos anti- fúngicos, sendo de uso tópico ou via oral. Mas isso depende do perfil de cada paciente, a duração e o tratamento variam de pessoa para pessoa. Por isso, é muito importante consultar seu dermatologista após os primeiros sinais.

Voltar para Blog