SAÚDE DA PELE DA CRIANÇA

12/10/2019

A pele é o nosso principal órgão e devemos ensinar nossas crianças, pequenas regras que podem ajudar na saúde cutânea. Estabelecer uma rotina apropriada nesta faixa etária irá auxiliar em ter menos problemas dermatológicos no futuro. As crianças normalmente estão sujeitas a maiores exposições a sujeiras e bactérias do que os adultos, justamente por isso, alguns cuidados são essenciais.

Procura do produto ideal para limpeza

As crianças não gostam de produtos pegajosos ou pesados. Além disso, os sabonetes em barra podem ressecar demasiadamente o corpo. O aconselhável é procurar por um sabão neutro, se possível em líquido, que possa remover o excesso de sujeira e oleosidade sem agredir a pele. Evite produtos contendo sulfato, parabeno ou fragrâncias.

Cuidados no banho

No caso de bebês bem tenrinhos, a dica é dar banho a cada 3 ou 4 dias. À medida que a criança vai ficando mais velha, os banhos podem passar a ser diários, em especial quando for brincar ao ar livre ou se exercitar. Ensine os miúdos a evitar esfregar muito o corpo durante o banho, mas sempre ensaboar as áreas de dobras e as partes íntimas. O banho não deve demorar mais do que 15 minutos e, de preferência, deve-se evitar o banho quente.

Cuidados com o sol e manchas

Converse com seu filho sobre a necessidade de aplicar o filtro solar diariamente, pela manhã, nas partes expostas ao sol. O uso de filtros em bastões pode ser uma boa dica, já que esses permanecem por mais tempo. E peça para lhe comunicar sempre que observar um sinal novo ou diferente no corpo.

Hidratação da pele

Atente-se para peles secas ou irritadas dos seus filhos e, principalmente, para os sintomas de ardência. Aplique uma camada generosa de hidratante específico para crianças, caso observe estes sinais. Em caso de persistência, procure o dermatologista.

Machucados e Feridas

Ensine o seu filho a sempre lavar bem, com água e sabão, a pele ferida por qualquer tipo de acidente e a cobri-la com um band-aid ou curativo, caso a brincadeira for continuar, para não contaminar novamente o machucado. Peça-o para lhe comunicar ao chegar em casa e observe sinais de vermelhidão intensa ou saída de secreção. Nestes casos, uma pomada cicatrizante pode ajudar. Mas, em caso de persistência, procure o seu dermatologista.

Voltar para Blog
Whatsapp Clique para entrar em contato